O que são e para que servem os extensômetros?

O que são e para que servem os extensômetros?

Antes de conhecer os extensômetros, devemos saber que este equipamento é aplicado nos testes de tração de materiais, que consiste basicamente na aplicação de uma força de tração coincidente com o eixo do corpo de prova, simultaneamente a isso, se mede a força aplicada e a deformação que o material sofre na aplicação da carga. Esta força aplicada é medida por um equipamento chamado de dinamômetro que deve ser previamente calibrado, onde dependendo do tipo da máquina de ensaio, pode ser baseado nos mais diferentes princípios.

 

extensômetros vista frontal

 

extensômetros alças de fixação

 

afastamento das facas de medição com a deformação do CP

A determinação do deslocamento relativo entre os dois pontos de referência, que estão marcados previamente determinados na seção útil do corpo de prova, determina a deformação feita pelo deslocamento de material no próprio corpo de prova. Isso é uma das características do extensômetro usado, que é o comprimento padrão definido pela distância que separa os dois pontos de referência.

A medida do deslocamento pode ser feita de uma forma eletroeletrônica, onde se permite a criação de um traçado da curva de força por deslocamento, sincronizado com a execução do ensaio, através de um plotter interligado na máquina de ensaio, conforme a imagem abaixo:

 

Ou então de obtém essa medida de deslocamento por um processo mecânico, que neste caso, obtém a leitura sempre depois do incremento de carga.

Este tipo de extensômetro é denominado de extensômetro axial, capaz de medir a deformação ao longo do eixo longitudinal do corpo de prova.

 


Tipos de extensômetros

Temos no mercado diversos tipos de extensômetros, um para cada tipo de aplicação de teste, consequentemente com diferentes sistemas de fixação. Os extensômetros mais comuns de serem localizados são os mecânicos, onde se possibilita a medição pelo simples afastamento entre suas pontas ou facas.

Existem ainda extensômetros elétricos ou eletrônicos, que se caracterizam pela deformação do corpo de prova através da variação da tensão elétrica.

Hoje em dia se consegue encontrar extensômetros a laser, onde se tem como maior vantagem à inexistência do contato físico com o corpo de prova, com isso se elimina algumas possíveis fontes de erro em relação aos extensômetros convencionais.

Para a correta realização de um teste de tração e para se obter bons resultados, vários cuidados devem ser tomados, independentemente da escolha do sistema de medição e da adequação dos procedimentos de teste de acordo com as recomendações da norma.

Bom trabalho!

Publicado por

Rafael Mascarenhas

Projetista de ferramentas e Programador de máquinas CNC há mais de cinco anos. Ambas as funções realizadas com auxílio de softwares de CAD e CAM, tais como SolidWorks, NX, AutoCAD, SolidCAM, EdgeCAM, entre outros. Cursando ensino superior em Engenharia Mecânica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X