Descomplicando a recuperação de arquivos no AutoCAD

Descomplicando a recuperação de arquivos no AutoCAD

Quem nunca passou pela abominável situação de trabalhar continuamente por horas em um enorme projeto no AutoCAD e ver, com desespero, aquela famosa tela azul do PC congelando tudo e lembrando-se da última vez que salvou seu desempenho – horas atrás?

Esse problema é recorrente, e não é tão incomum assim para um software relativamente pesado como o AutoCAD. Por isso, existem ferramentas de salvamento automático e até mesmo de recuperação de arquivos disponíveis para você não precisar fazer tudo de novo. O problema é que elas são confusas até mesmo para usuários mais experientes.

Vamos descomplicar isso agora.

Comece abrindo o AutoCAD e digitando “Options” para abrir a janela de opções e personalizações. Clique na aba “Open and Save” e você verá algo semelhante a isso:

recuperação de arquivos no autocad 1

No canto inferior esquerdo existe um painel com as configurações relativas a salvamento automático. Nossa dica Guru para você nesse ponto é: jamais desmarque a opção “Automatic save”! Ela garantirá que, num intervalo de tempo definido logo abaixo o AutoCAD irá salvar seu projeto automaticamente.

O que normalmente confunde os usuários do software são os formatos de arquivos de salvamento automático e onde se encontram. Basicamente existem 3, e eles são localizados em pastas diferentes. Observe:

  1. Formato .bak: esse formato é criado como um backup do seu salvamento manual (ou seja, sempre que você salvar seu projeto o AutoCAD irá criar uma cópia dele com esse formato .bak na mesma pasta do arquivo original);
  2. Formato .ac$: esse formato é destinado a arquivos em que o AutoCAD salva informações relativas ao seu projeto, mas não o desenho em si. Você não conseguirá recuperar um projeto através de arquivos deste tipo, e eles ficam localizados em uma pasta inclusive difícil de localizar. Estes arquivos são temporários, e são deletados assim que você fecha o AutoCAD;
  3. Formato .sv$: formato em que o AutoCAD salva automaticamente seus arquivos com a frequência determinada na janela de opções, conforme a imagem acima (por padrão, a cada 10 minutos).

Ou seja, os dois formatos de arquivo recuperáveis são o .bak e o .sv$. Mas como recuperá-los?

O processo é igual para ambos: basta você localizar o arquivo e mudar sua extensão para .dwg. Pode ser que a extensão do arquivo não seja exibida para você (por padrão o Windows não exibe), mas acessando as opções de pasta você consegue mudar isso. Então localize o arquivo de backup e renomeie a sua extensão de .bak ou .sv$ para .dwg. O ícone do arquivo mudará assim que você alterar a extensão, e você poderá abri-lo no AutoCAD normalmente.

Mas onde está o arquivo de backup?

Encontrar o arquivo .bak é moleza, pois ele está sempre na mesma pasta do seu projeto original. Já os arquivos .sv$ não. Você pode localizá-los abrindo novamente a janela de opções do seu AutoCAD e clicando na aba Files. Expanda a opção “Automatic Save File Location”, conforme na imagem abaixo, e veja onde o AutoCAD está salvando seus backups. Você pode, inclusive, alterar esse local para uma pasta que desejar.

recuperação de arquivos no autocad 2

Resumindo a história toda: encontre o arquivo de backup, mude sua extensão para .dwg, e abra-o normalmente no AutoCAD.

A aula completa com esse conteúdo e várias outras você encontra clicando aqui e conferindo nosso novo Curso AutoCAD 2017 Intermediário!

Publicado por

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X